Revista gay também homenageia o Papa Francisco

Por Carolina Santos
O papa Francisco no encontro com os sem-teto | Osservatore Romano/reuters O papa Francisco no encontro com os sem-teto | Osservatore Romano/reuters

A mais antiga revista norte-americana em defesa dos direitos gays apontou ontem o papa Francisco como a “Personalidade do Ano”. No mesmo dia, o pontífice comemorou 77 anos.

A revista Advocate disse que escolheu Francisco porque, apesar de o papa ainda ser contra o casamento gay, seu pontificado tem demonstrado “uma mudança gritante na retórica (antigay) de seus dois antecessores”.

Como exemplo, destacou a resposta dada por Francisco a um repórter quando questionado sobre a presença de gays na Igreja: “Se a pessoa é gay, busca a Deus e tem boa vontade, quem sou eu para julgá-la?”.

O Vaticano reforçou que as palavras do papa não mudam os ensinamentos da Igreja sobre a homossexualidade. Segundo a Igreja, a tendência não é pecaminosa, mas os atos são.

A Advocate disse que ninguém deve “subestimar a capacidade de qualquer papa de convencer corações e mentes na abertura para pessoas LGBT (lésbicas, gays, bissexuais e transexuais)”.

Na semana passada, a revista Time concedeu o mesmo prêmio ao papa Francisco.

 

Sem-teto tomam café no Vaticano 

O Vaticano informou que o papa comemorou o aniversário de 77 anos com a tradicional missa matinal na casa de hóspedes, onde escolheu viver em lugar dos espaçosos apartamentos papais utilizados por seus antecessores.

Em seguida, Francisco completou a comemoração tomando  café da manhã com quatro sem-teto que vivem nas ruas próximas à praça São Marcos. Eles foram convidados por um funcionário do Vaticano, que registrou o encontro.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo