Rússia desafia EUA a apresentarem provas de ataque sírio

Por fabiosaraiva
O presidente russo Vladimir Putin, que falou sobre as ameaças de ataque dos EUA à Síria | Alexei Nikolskyi/ RIA Novosti/  Kremlin/Reuters O presidente russo Vladimir Putin, que falou sobre as ameaças de ataque dos EUA à Síria | Alexei Nikolskyi/ RIA Novosti/ Kremlin/Reuters

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, pediu neste sábado ao presidente norte-americano, Barack Obama, que, como ganhador do Prêmio Nobel da Paz de 2009, pense nas vítimas de um eventual ataque à Síria.

 

“Dirijo-me a Obama como Prêmio Nobel da Paz: antes de usar a força na Síria, há que pensar nas futuras vítimas”, disse Putin, citado pelas agências russas de notícias.

 

Para ele, as acusações de Washington de que o governo de Bashar Al Assad usou armas químicas na Síria são “uma estupidez de metro e meio”. Aliado à Rússia, Putin disse que é necessário apresentar provas: “Se há provas sobre o uso de armas químicas, devem ser apresentadas. Se não se apresentam, é porque não existem.”

 

Barack Obama afirmou nesta sexta-feira (30) que ainda não tomou uma “decisão final” sobre um eventual ataque à Síria, mas admitiu uma ação “limitada” dos Estados Unidos contra o regime de Bashar Al Assad pelo uso de armas químicas.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo