Fabricantes reduzem o ritmo e produção de motos recua 0,4% em janeiro

Por Estadão Conteúdo

A produção de motocicletas no Brasil caiu 0,4% em janeiro deste ano ante igual mês do ano passado, informou nesta sexta-feira (9), a Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares (Abraciclo). Foram 81,3 mil unidades produzidas no primeiro mês de 2018. O volume, se comparado a dezembro, apresenta alta de 17,8%.

Apesar da leve queda na produção, as vendas no mercado interno cresceram. Em janeiro, as concessionárias venderam um total 76,9 mil motocicletas, expansão de 13,9% em relação a igual mês do ano passado. "Fazia três anos que as vendas não começavam com números positivos e isso evidencia que as projeções de retomada vão se consolidar ao longo de 2018", disse Marcos Fermanian, presidente da Abraciclo, que projeta avanço de 1,6% este ano.

Por outro lado, em relação a dezembro, o mercado teve redução de 0,8%. A queda foi minimizada pela associação, que lembrou que dezembro foi o mês que apresentou o maior volume de vendas em 2017.

As exportações, por sua vez, cresceram em janeiro. O número de motocicletas vendidas ao exterior atingiu 8,2 mil unidades no primeiro mês de 2018, expansão de 42,6% ante igual mês do ano passado e de 15,8% em relação a dezembro.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo