Bombeiros retomam nesta quinta buscas por vítimas de Brumadinho

Serão seis frentes de trabalho para localizar os 11 últimos corpos da tragédia

Por Maria Fernanda Cinini - BandNews FM

Após cinco meses de paralisação, o Corpo de Bombeiros retoma, nesta quinta-feira (27), as buscas pelas últimas vítimas do rompimento da barragem de Brumadinho, Minas Gerais. Cerca de 60 bombeiros vão trabalhar em seis frentes de trabalho para localizar 11 corpos.

Os militares começam as buscas em regiões que ainda não foram investigadas. Segundo a corporação, as operações terão algumas dificuldades, já que o terreno tem áreas encharcadas pela passagem de rios e córregos.

QUER RECEBER A EDIÇÃO DIGITAL DO METRO JORNAL TODAS AS MANHÃS POR E-MAIL? É DE GRAÇA! BASTA SE INSCREVER AQUI.

Veja também:
Consumo em bares e restaurantes de áreas comerciais cai 89% em São Paulo
Morre produtor musical Arnaldo Saccomani aos 71 anos

Além disso, a terra está compactada após as chuvas do início do ano. A corporação definiu um plano de retomada das buscas de acordo com o Plano Minas Consciente, como forma de evitar a contaminação por covid-19 – doença causada pelo coronavírus Sars-CoV-2.

Entre algumas das medidas, ficou proibido o trabalho de bombeiros do grupo de risco e aqueles que apresentarem sintomas devem ser afastados. As operações foram interrompidas no dia 27 de março, por causa do avanço da pandemia no país. Desde o início dos trabalhos – em janeiro de 2019, quando a barragem se rompeu –, foram resgatadas 270 pessoas, sendo 259 em óbito.

Loading...
Revisa el siguiente artículo