TikTok processa governo dos EUA por ameaça de proibição

Por Metro Jornal

O TikTok, aplicativo operado pela empresa chinesa ByteDance, entrou com processo contra o governo federal dos Estados Unidos nesta segunda-feira (24). A ação questiona a ameaça de proibição feita pelo presidente Donald Trump.

"Ao banir o TikTok sem aviso prévio ou oportunidade de ser ouvido (seja antes ou depois do fato), a ordem executiva viola as proteções do devido processo da Quinta Emenda da Constituição", diz a peça do processo, em trecho divulgado pelo Wall Street Journal.

LEIA MAIS:
PF faz busca em casa de envolvido em ameaça a consulado chinês em SP

O republicano ordenou o banimento do aplicativo nos EUA caso a rede social não seja adquirida por uma empresa norte-americana até 15 de setembro. A Microsoft, de Bill Gates, já manifestou interesse em comprar o TikTok.

O app de vídeos é muito popular entre jovens ao redor do mundo, e é muito questionado por sua política de privacidade. A defesa do TikTok afirma que a empresa já "toma medidas extraordinárias para proteger a privacidade e a segurança dos dados do usuário", e que já explicou tais esforços ao governo federal durante recente reunião.

Loading...
Revisa el siguiente artículo