Covas quer equipar alunos da rede municipal com 465 mil tablets

Por Estadão Conteúdo

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), divulgou nesta sexta-feira, 21, que enviará 465 mil tablets com chips para estudantes da rede municipal de ensino.

O anúncio ocorre três dias depois de a gestão municipal vetar a reabertura de escolas em setembro para atividades de reforço após um inquérito sorológico apontar alto índice de casos assintomáticos da covid-19 em alunos de escolas do Município.

QUER RECEBER A EDIÇÃO DIGITAL DO METRO JORNAL TODAS AS MANHÃS POR E-MAIL? É DE GRAÇA! BASTA SE INSCREVER AQUI.

Fundação Renova - agosto 2020

Segundo Covas, os itens serão destinados para alunos do EJA e dos ensinos fundamental e médio. "Esses são equipamentos que podem ser utilizados não apenas nesse momento de ensino à distância, mas também depois, dentro da sala de aula", destacou o prefeito durante coletiva de imprensa no Palácio dos Bandeiras.

Os dois pregões para a aquisição dos equipamentos serão publicados neste sábado, 22. "São recursos que a Secretaria de Educação está deixando de gastar neste ano por conta da pandemia", justificou Covas.

A Prefeitura ainda não decidiu se permitirá a volta às aulas presenciais em outubro. Nos bastidores, já se discute o adiamento da retomada para 2021.

Loading...
Revisa el siguiente artículo