São Paulo terá frio de até 3ºC nos próximos dias, mas sem neve

Por Metro Jornal com Estadão Conteúdo

Uma massa de ar frio de origem polar está se aproximando da região Sudeste do Brasil, e deve se somar nos próximos dias à frente fria que já atinge o Estado de São Paulo. No entanto, ao contrário do que andam dizendo as redes sociais, as chances de nevar por aqui são quase nulas.

De acordo com a MetSul Meteorologia, o fenômeno não seria inédito no Estado. Em Campos do Jordão, caiu neve nos anos de 1892, 1897, 1938 e 1947. Porém, "desta vez não vai nevar".

QUER RECEBER A EDIÇÃO DIGITAL DO METRO JORNAL TODAS AS MANHÃS POR E-MAIL? É DE GRAÇA! BASTA SE INSCREVER AQUI.

Fundação Renova - agosto 2020

A MetSul afirmou que "a chance de nevar se limita ao Sul do Brasil" e não alcançará São Paulo, que deverá, no entanto, ter recorde de temperaturas baixas, com o dia mais frio na sexta-feira, 21, na capital paulista e em parte do interior do Estado de São Paulo.

Em algumas cidades do sul paulista próximas do Paraná, o termômetro deverá ficar abaixo de 10°, enquanto que o norte do Estado paulista deverá ter temperatura mais alta. "O que o sul paulista poderia ter, considerando chuva com 7°C a 8°C, poderia ser chuva congelada e mesmo assim a probabilidade não é alta", disse a MetSul.

Em relação às temperaturas no estado, "durante a passagem da onda de frio poderemos ter de 3°C a 5°C no oeste e sul do estado A geada não está descartada no sul e no oeste do estado paulista. É possível que haja correções no decorrer da semana, conforme o ar frio intenso vai entrando no estado. Maiores temperatura no estado essa semana ficam no norte e noroeste do estado ainda podendo chegar aos 36°C na quarta-feira, 19, à tarde", completou a Climatempo. No litoral paulista, as temperaturas devem oscilar entre 7°C e 10°C.

Loading...
Revisa el siguiente artículo