MEC vai fornecer internet para alunos de famílias pobres

Por Metro com Estadão Conteúdo

O Ministério da Educação anunciou na segunda (17) programa de fornecimento de dados de internet para que estudantes de baixa renda de universidades e institutos federais possam acompanhar aulas no ensino a distância.

O próprio ministro, Milton Ribeiro, admitiu ontem que a ajuda chegará um pouco tarde, já que o plano está sendo lançado cinco meses após o início da pandemia e da paralisação das atividades presenciais da educação regular no país.

Editar
QUER RECEBER A EDIÇÃO DIGITAL DO METRO JORNAL TODAS AS MANHÃS POR E-MAIL? É DE GRAÇA! BASTA SE INSCREVER AQUI.

Fundação Renova - agosto 2020

Anexos

“Fiquei contente, embora, num primeiro momento, pudesse entender que foi um pouquinho tarde para tomarmos essa iniciativa”, disse ontem o Ribeiro, que atribuiu a demora do trâmite administrativo à burocracia.

Inicialmente, o programa vai atender 400 mil alunos com renda mensal familiar por pessoa até meio salário mínimo (R$522,50), mas a meta é alcançar 900 mil estudantes em situação de vulnerabilidade socioeconômica – com até 1,5 salário mínimo por pessoa na família.

O acesso à internet será distribuído em duas modalidades: para aqueles que já tem pacote de dados móveis, será oferecido um bônus. Para os que não tem, serão entregues chips com pacotes de dados.

As instituições de ensino ficarão encarregadas de repassar as informações dos estudantes para as operadoras que venceram a concorrência pública para oferecer o serviço – com  custo estimado de R$ 24 milhões.

A estimativa do ministério é de que cada aluno gaste, em média, 20GB para acessar os conteúdos educacionais e participar ao vivo das aulas a distância.

A ajuda para acessar a internet começará a chegar aos alunos ainda neste mês nas 25 universidades e 16 institutos federais que já retomaram o ensino de forma remota. As demais vão receber o benefício a partir do reinício das aulas a distância.

Ao todo, o programa vai beneficiar estudantes de 797 municípios do país com campi de universidades e de institutos federais.

Loading...
Revisa el siguiente artículo