Conta de água sobe 3,4% em cidades paulistas

Por Metro Jornal

A conta de água está mais cara nas cidades atendidas pela Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo). A elevação de até 3,4%, em vigor desde sábado, foi aprovada pela Arsesp (Agência Reguladora de Saneamento e Energia do Estado de São Paulo) em 15 de julho, após três meses de prorrogação.

QUER RECEBER A EDIÇÃO DIGITAL DO METRO JORNAL TODAS AS MANHÃS POR E-MAIL? É DE GRAÇA! BASTA SE INSCREVER AQUI.

Fundação Renova - agosto 2020

Apesar do aumento, a agência manteve até 15 de setembro a proibição do corte do fornecimento de água aos consumidores das categorias residencial social e favela. A medida foi adotada para minimizar as consequências da pandemia de covid-19.

Ela também isenta a cobrança de multa e juros das contas com vencimento em agosto e setembro de 2020 para este público.  

Loading...
Revisa el siguiente artículo