Após despejo, Casa Nem poderá receber novo imóvel da Prefeitura do Rio

Por Metro Jornal com Agência Brasil

Com sua atual localização ameaçada por ação de reintegração de posse, programada para o dia 24, a Casa Nem recebeu da Prefeitura do Rio de Janeiro proposta de um novo imóvel, no bairro das Laranjeiras, para continuar seu trabalho.

O projeto abriga cerca de 60 pessoas da comunidade LGBTQIA+ em situação de vulnerabilidade, e hoje ocupa um edifício na Rua Dias da Rocha, em Copacabana, cuja posse foi reclamada pelos proprietários.

A Casa Nem já sofreu outras duas ações do tipo, em endereços anteriores na Lapa e na Vila Isabel. O imóvel de cerca de 700m² oferecido pela Secretaria Municipal de Urbanismo foi apresentado nesta sexta (14) para a cordeenadora do projeto, Indianare Siqueira.

"O prédio é excelente, precisa de reforma, é óbvio, mas a localização é boa. Tem um terreno que permite inclusive atividades externas", elogiou Indianare em entrevista à Agência Brasil. "A partir de agora a gente começa com todos os trâmites burocráticos".

"Existe uma urgência de fazer essa mudança, e como até o dia 24 não vai ser possível, a gente pede à Justiça o adiamento da reintegração de posse para que a gente possa fazer essa reforma e mudar para o lugar de maneira adequada", reivindica Indianare.

Para a ativista, a cessão de um espaço público que estava sem uso para o projeto é justa, já que a habitação é um direito. "É um reconhecimento, mas também é uma obrigação do poder público ceder espaço para organizações e movimentos da sociedade civil que fazem um trabalho que é o governo que deveria fazer".

O coordenador especial de Diversidades Sexual da prefeitura do Rio de Janeiro, Nélio Giorgini, disse que a demanda da Casa Nem por moradia para LGBTs vulneráveis é reconhecida nacional e internacionalmente, e explicou que, apesar da urgência, a cessão precisa seguir todos os trâmites legais.

"O processo precisa ser transparente e precisa ser público. A prefeitura está correndo para que o processo seja célere", disse.

Loading...
Revisa el siguiente artículo