Vereadores de São Paulo aprovam, em 1ª votação, regras para retomada do ensino municipal

Por Metro Jornal

Os vereadores de São Paulo aprovaram, em primeiro turno, o projeto de Lei que estabelece as regras para o retorno presencial das aulas do ensino municipal. O texto, enviado pela gestão de Bruno Covas (PSDB), ainda precisa passar por uma segunda votação antes de seguir para sanção do prefeito.

O primeiro turno no plenário da Câmara Municipal foi finalizado na noite de quarta-feira (29). O texto aprovado não traz uma data de quando as atividades serão retomadas – as unidades só serão reabertas quando houver segurança quanto a redução dos impactos da pandemia de covid-19.

Veja também:
Botucatu tem madrugada de pânico com assaltos a banco e veículos incendiados
Auxílio emergencial: Caixa abre 700 agências no sábado das 8h às 12h

Entre os pontos que fazem parte do projeto de Lei estão: a aplicação de aulas extras aos alunos; a aprovação automática neste ano; a contratação de professores com contratos emergenciais; e a inserção de até 14 mil estudantes no ensino privado.

Antes da segunda votação, a Casa vai promover uma nova audiência pública para debater o projeto – a sessão, prevista para terça-feira (4) terá transmissão nas redes sociais. Já retomada pelo plenário deve ocorrer na quarta (5).

Loading...
Revisa el siguiente artículo