Guarulhos retoma 100% da frota de ônibus um mês após determinação judicial

Por Lucas Herrero - Rádio Bandeirantes

A cidade de Guarulhos retoma 100% da frota de ônibus nesta segunda-feira (27). Até a semana passada, o município disponibilizava cerca de 75% do total.

No dia 30 de junho, a Justiça já havia determinado a utilização total dos 859 ônibus, mas a prefeitura recorreu duas vezes nesse meio tempo. O prefeito Guti afirma que, mesmo com a metade da demanda registrada nas últimas semanas, oficializou o reforço no início desta semana.

"Temos uma retomada econômica, a tendência em utilização do transporte público pelas pessoas está aumentando também. Agora, os idosos voltam a utilizar também seus benefícios no horário de pico. A tendência é que isso aumente, então, a gente precisa garantir os 100%”, afirma o prefeito.

Veja também:
Responsáveis pela limpeza de escolas municipais estão há quatro meses sem receber
Sites falsos de leilões utilizando o nome do Detran já atingiram mais de 52 mil acessos no Brasil

Também a partir desta segunda-feira, os idosos estão liberados para circular gratuitamente durante todo o dia com a utilização do Cartão Sênior. Desde o dia 22 de junho, a isenção das tarifas estava suspensa para pessoas com mais de 60 anos nos horários de pico.

Na capital paulista

Já na cidade de São Paulo, o Tribunal de Justiça havia determinado em 16 de julho que a frota retornasse aos 100%, porém, até agora, a capital segue funcionando com 84% dos ônibus nas ruas.

A prefeitura recorreu da decisão e afirma que a demanda atual é de 48%, o que não representaria uma necessidade de retomada total dos carros.

Segundo um levantamento da Secretaria de Mobilidade e Transportes, o movimento aumentou 57% em comparação com a terceira semana de maio e 13% em relação ao mesmo período de junho.

Entre 18 e 22 de maio, a média foi de 974 mil passageiros por dia. Entre 15 e 19 de junho, subiu para 1,3 milhão de pessoas. E na última semana de julho, a média diária foi para 1,5 milhão de passageiros.

Loading...
Revisa el siguiente artículo