Capital paulista segue na fase amarela do Plano São Paulo; veja atualização

Por Metro Jornal

A cidade de São Paulo vai seguir na fase amarela do Plano São Paulo, de flexibilização da quarentena, pela próxima quinzena. A oitava reclassificação do programa estadual foi divulgada no início da tarde desta sexta-feira (24) em coletiva no Palácio dos Bandeirantes.

Os dados que ainda seguram a capital paulista na fase amarela são a ocupação de leitos de UTI por pacientes de covid-19 (66,1%), e os índices de variação de internações e óbitos em relação ao balanço anterior. Já o número de leitos para diagnosticados com a doença e o índice de variação de casos já permite uma reclassificação para a etapa seguinte.

Veja também:
Carnaval de 2021 é adiado em São Paulo; parada LGBT+ e Marcha para Jesus são canceladas
São Paulo tem 3º dia com mais de 10 mil novos casos de covid-19; veja balanço de sexta

Em todo o estado de São Paulo, foram feitas três alterações, todas positivas: as regiões de Araçatuba e Campinas avançaram da fase vermelha, mais restritiva, para a amarela, e a região de Araraquara pode subir da laranja para a amarela.

Seguem na fase vermelha, que obriga o fechamento ao público de todo o comércio não essencial, as regiões de Franca, Ribeirão Preto e Piracicaba. Além da capital paulista e de Araraquara, estão na fase amarela toda a região metropolitana de São Paulo, a Baixada Santista e a região de Registro.

O novo período da quarentena será entre os dias 27 de julho, esta segunda-feira, e 10 e agosto. No dia 7, uma nova atualização do Plano São Paulo será anunciada. Já regiões que apresentarem piora nos dados podem ser rebaixadas para fases anteriores a qualquer momento.

Loading...
Revisa el siguiente artículo