Voluntários em São Paulo poderão se inscrever online para testar vacina chinesa contra covid-19

Por Metro Jornal com Agência Brasil

As inscrições serão abertas em breve para profissionais de saúde que queiram integrar os testes da CoronaVac em São Paulo. Em plataforma lançada nesta segunda-feira (13) pelo governo estadual, voluntários poderão participar de uma triagem inicial para checar se correspondem ao perfil necessário para os testes.

Podem se inscrever profissionais de saúde que atendam pacientes com covid-19, mas ainda não tenham sido infectados pelo vírus. Os integrantes do estudo não podem ter outras doenças e nem estar em fase de testes para outras vacinas. As voluntárias também não poderão estar grávidas.

O cadastro será feito pelo portal criado pelo Governo, neste link. Nele, é possível acessar uma plataforma de triagem com perguntas iniciais para avaliar o perfil do candidato.

Vale - Branded content - julho/2020

Após esta etapa, serão informados os endereços dos centros de pesquisa que devem ser procurados para, enfim, iniciarem todos os processos necessários para confirmar a participação. Todas as informações são sigilosas.

O cadastramento nos centros de pesquisa participantes começa a partir de amanhã (14). A vacina, desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac em parceria com o Instituto Butantan, terá sua terceira fase de testes em humanos iniciada no próximo dia 20.

Os testes clínicos com a CoronaVac serão realizados em nove mil voluntários em centros de pesquisas de seis estados brasileiros: São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Paraná. A pesquisa clínica será coordenada pelo Instituto Butantan e o custo da testagem é de R$ 85 milhões, custeados pelo governo.

Loading...
Revisa el siguiente artículo