Governo quer baratear etanol ao permitir venda direta de produtores aos postos

Por Rádio Bandeirantes

O ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, afirmou nesta sexta-feira (10) que o governo busca regulamentar até outubro a venda direta de etanol. Assim que isso acontecer, os produtores poderão fornecer diretamente aos postos, sem intermediários.

Segundo Albuquerque, a expectativa é que o consumidor seja beneficiado com a redução do preço nas bombas. O almirante foi entrevistado com exclusividade por José Luiz Datena na Rádio Bandeirantes.

Vale - Branded content - julho/2020

Veja também:
Procon-SP multa Enel em R$ 10,2 milhões por problemas em contas de luz
Governo publica MP que libera R$ 3 bilhões para o setor cultural

Segundo o ministro, a queda no consumo de energia elétrica durante a pandemia, que chegou a 20%, hoje está em 5%. Para Bento Albuquerque, esse é mais um sinal de reativação consistente da atividade econômica.

Os leilões de petróleo, gás e energia elétrica serão retomados em breve num cronograma para os próximos três anos. O interesse dos investidores estrangeiros no plano de negócios tem sido grande, afirma o titular da pasta. Segurança jurídica e previsibilidade são fatores apontados como fundamentais pelo ministro para o sucesso dos leilões.

Loading...
Revisa el siguiente artículo