RJ: Mulher de engenheiro civil que ofendeu fiscal em bar foi demitida

Por Metro Jornal

Uma mulher carioca que apareceu em reportagem do programa Fantástico, na TV Globo, no último domingo (5), acabou demitida após repercussão das imagens na internet.

A então empregadora, uma empresa privada do setor de energia, repudiou as ações da antiga funcionária no que chamou de "lamentável episódio". A companhia ainda afirmou que optou pela "demissão imediata" da mulher.

LEIA MAIS:
SP fará testes de vacina chinesa contra covid-19 em 9 mil profissionais da saúde
Procon-SP registra aumento de 398% em reclamações contra os Correios na pandemia

Em nota oficial, a Transmissora Aliança de Energia Elétrica (Taesa) diz "não compactuar com qualquer comportamento que coloque em risco a saúde de outras pessoas ou com atitudes que desrespeitem o trabalho e a dignidade de profissionais que atuam na prevenção e no controle da pandemia."

O episódio
Na matéria do Fantástico, que retratava estabelecimentos que causaram aglomeração e desrespeitaram normas de segurança sanitária durante a reabertura econômica no Rio de Janeiro, Nívea Valle Del Maestro aparece ao lado de seu marido, agredindo verbalmente um oficial da vigilância sanitária.

O superintendente de Inovação, Pesquisa e Educação em Vigilância Sanitária, Fiscalização e Controle de Zoonoses da Prefeitura do Rio, Flávio Graça, tentava explicar a um frequentador de um bar na Barra da Tijuca o motivo da inspeção.

Leonardo Barros, marido da carioca, filmava a operação e confrontava o fiscal, que o tratava pelo título de "cidadão". Ao defender o esposo, Del Maestro tentou rebaixar a profissão do fiscal da vigilância sanitária: "Cidadão, não", diz, "engenheiro civil, formado, melhor do que você".

Loading...
Revisa el siguiente artículo