Estado de São Paulo supera Itália em total de casos de covid-19

Por Metro Jornal com Ansa

O Brasil já registrou mais casos do novo coronavírus apenas no Estado de São Paulo do que toda a Itália desde o início das contaminações em ambos países.

Nesta quinta-feira (25), São Paulo atingiu a marca de 248.587 casos, enquanto a Itália totaliza 239.706 infectados desde fevereiro. Se compararmos os valores às populações totais de São Paulo e do território italiano, a proporção de infectados também é bem maior no Estado brasileiro.

LEIA MAIS:
São Paulo registra 407 mortes por covid-19 em um dia; veja balanço
Covas espera retorno do atendimento presencial de bares e restaurantes na segunda

Em São Paulo, vivem quase 46 milhões de habitantes, enquanto 60,3 milhões de pessoas habitam a Itália. Desta forma, o país europeu conta com 397 casos para cada 100 mil habitantes, e o território paulista contabiliza 541 casos para cada 100 mil habitantes.

A epidemia nos países europeus já estão em ponto mais avançado da curva, com as contaminações mais controladas, registrando números baixos e relativamente estáveis desde maio. Já os paulistas têm visto os números crescerem rapidamente, com dois recordes seguidos de novas infecções nos últimos dois dias.

São Paulo só ganha do país europeu em registros de mortes, o que pode ser explicado também pela taxa de idosos na população de cada local. São 13.759 óbitos em São Paulo, em uma taxa de 30 vítimas para cada 100 mil habitantes, contra 34.678 da Itália, o que dá um índice de 57 mortes a cada 100 mil.

Caso o ritmo da pandemia em São Paulo não diminua, porém, podemos "ganhar" dos italianos também neste dado. Enquanto o Estado registrou 407 mortes nas últimas 24 horas, a Itália perdeu apenas 34 pessoas para o coronavírus no mesmo período.

Os números usados são os dados oficiais e, por isso, não há comparação na proporção da quantidade de testes para covid-19 que foram realizados em ambos os locais.

Loading...
Revisa el siguiente artículo