Ainda abalada pela invasão da Globo, Renata Vasconcelos pede paz

Por Metro Jornal

A invasão da sede da Globo no Rio de Janeiro, nesta quarta-feira, quando a jornalista Marina Araújo foi feita refém por um homem armado de faca, abalou a apresentadora  Renata Vasconcelos, do Jornal Nacional.

Após invadir o prédio, o homem insistia em vê-la e só concordou em soltar a faca e libertar a refém quando Renata apareceu no corredor.

Segundo a colunista Fábia de Oliveira, do jornal O Dia, Renata ficou chocada e chorou ao saber que estaria sendo alvo de ameaças, ainda mais no dia de seu aniversário.

O assunto foi comentado pelos apresentadores na edição desta quarta do Jornal Nacional. “Foi um susto enorme, mas recebemos aqui na redação as duas colegas sãs e salvas”, comentou William Bonner, âncora do jornal.

“É isso, vida que segue. Desejo a todos paz”, finalizou Renata.

Loading...
Revisa el siguiente artículo