Sem covid-19, Nova Zelândia libera festas, compras e abraços nas ruas

Por Metro Jornal

Um dia após a presidente declarar país livre do coronavírus, a Nova Zelândia suspendeu todas as restrições sociais após três meses de pandemia.

Com isso, o comercio e as atividades em geral voltaram a funcionar normalmente e nesta terça-feira era possível ver os cafés e os shoppings lotados novamente e as pessoas se abraçando e beijando nas ruas com sorriso estampado no rosto após meses de distanciamento social.

Nova Zelândia Unplash

A Nova Zelândia será o primeiro país do mundo a retomar as atividades esportivas em estádios com torcedores.

O país volta à normalidade enquanto as maiores economias do mundo continuam lutando contra os números crescentes de infectados e mortos.

Segundo especialistas, em grande parte isso se deve a meses de isolamento social, incluindo sete semanas em que as pessoas tiveram que ficar trancadas em casa, em isolamento total.

Durante o anúncio do fim da pandemia no pais, na segunda-feira, a primeira ministra da Nova Zelândia Jacinda Ardern disse que fez uma dancinha para comemorar.

Loading...
Revisa el siguiente artículo