Ônibus seguem desrespeitando lotação máxima em São Paulo nesta terça

Sindicato de motoristas e cobradores fará manifestação pedindo retorno de 100% da frota

Por Metro Jornal com BandNews FM

Os flagrantes de ônibus lotados na cidade de São Paulo continuam nesta terça-feira (9), segundo dia útil após medida que só permite a circulação de coletivos municipais com lotação máxima de passageiros sentados.

Às 16h, condutores e cobradores do sistema farão uma manifestação em terminais da capital paulista contra a superlotação dos veículos em meio à pandemia de covid-19 – doença causada pelo novo coronavírus (Sars-CoV-2). A demanda do Sindmotoristas (sindicato da categoria) é que a prefeitura autorize o retorno de 100% da frota de ônibus nas ruas.

Veja também:
Comércio na cidade de São Paulo reabre a partir de quarta
Justiça suspende flexibilização da quarentena em municípios paulistas

Nesta terça-feira (10), a SPTrans determinou o funcionamento de 10.123 coletivos na cidade de São Paulo, o equivalente a 79% do total de coletivos disponíveis antes da quarentena. Se o pedido do sindicato por atendido, a capital paulista teria 12,8 mil ônibus em circulação.

Veja flagrantes de ônibus lotados, enviados por ouvintes da rádio BandNews FM:

Loading...
Revisa el siguiente artículo