Isolamento social na capital paulista não fica acima dos 52% nos feriados

Por Metro Jornal

O adiantamento de feriados municipais na cidade de São Paulo não resultou em um aumento expressivo do isolamento social. De acordo com dados do Simi (Sistema de Monitoramento Inteligente), o índice na capital paulista ficou em 51% na quarta (20) e em 52% na quinta-feira (21).

Os números estão abaixo de índices registrados em vários fins de semana – no último domingo (17), por exemplo, o isolamento social no município foi de 56%. A realização dos feriados de Corpus Christi e Consciência Negra nesta semana, porém, permitiram índices um pouco acima dos registrados nas semanas anteriores, quando o isolamento em dias úteis não passou dos 50%.

O isolamento social é uma estratégia que busca, além de freiar o avanço do contágio do coronavírus, impedir um colapso do sistema público e privado de saúde.

Veja também:
Ministro da Educação adia prazo de inscrição do Enem
Novo estudo não encontra benefícios da cloroquina no tratamento de covid-19

VALE BANNER 1500x1250

O desejado do governo estadual e municipal é que o nível de isolamento social fique ao menos acima dos 60% e, idealmente, chegue aos 70%, mas nem a meta mais baixa chegou a ser atingida. O sistema analisa dados de operadoras telefônicas para detectar pessoas que estão em deslocamento – o estado afirma que os dados são sigilosos e que não consegue identificar os indivíduos.

Segundo o último balanço, da noite de quinta-feira (21), a cidade de São Paulo tinha 44.516 casos confirmados de covid-19, doença causada pelo novo coronavírus (Sars-CoV-2). São 3.186 mortes confirmadas e outros 3.485 óbitos que aguardam resultado de testes. Há ainda 151.965 pacientes suspeitos.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo