Sistema de saúde do RJ deve entrar em colapso até o fim de maio, diz secretário

Por Rádio Bandeirantes

O sistema de saúde do estado do Rio de Janeiro deve entrar em colapso até o fim de maio, segundo o secretário Edmar dos Santos.

A previsão é que haja uma média de 140 mil pessoas infectadas. Edmar dos Santos afirmou, em entrevista à BandNews FM, que a crise de covid-19 é grave e que o estado não atingiu o isolamento social necessário para achatar a curva da pandemia. Ele disse ainda que, mesmo com o funcionamento de todos os hospitais de campanha, não será possível suprir a demanda.

Veja também:
USP e Unifesp iniciam pesquisa para estimar população imune ao coronavírus
Quarentena na cidade de São Paulo deve ficar mais rígida, diz secretário

Segundo o secretário, a meta é atingir 70% de isolamento para minimizar a situação. Ele acredita que, sem as medidas de restrição, os piores resultados já teriam acontecido há pelo menos um mês.

Diante do aumento do número de pessoas infectadas pelo coronavírus, o governo estadual decidiu prorrogar o isolamento social até o dia 11 de maio.

Segundo o Ministério da Saúde, o Rio de Janeiro tem 8889 casos confirmados e 794 óbitos.

Loading...
Revisa el siguiente artículo