Coreia do Sul garante saber paradeiro de Kim Jong-un

Por Metro Jornal

Em meio aos mais variados rumores sobre o verdadeiro estado de saúde do ditador da Coreia do Norte, Kim Jong-un, a Coreia do Sul informou nesta terça-feira que o governo sabe onde está localizado o líder vizinho.

Os rumores aumentaram após Kim não ter participado, pela primeira vez, das celebrações pelo nascimento do seu avô e também não fez mais nenhuma aparição pública desde 12 de abril.

Segundo o ministro da Unificação da Coreia do Sul, Kim Yeon-chul, o comandante supremo norte- -coreano pode ter perdido a cerimônia de 15 de abril, dedicada ao aniversário do avô Kim Il-sung, por temores do novo coronavírus, não por estar doente. O ministro sul-coreano chamou os rumores de sua morte de “notícias falsas” e “infodêmicas”. “O governo está ciente da localização de Kim Jong-un. Posso dizer com certeza que não houve sinais incomuns na Coreia do Norte”, afirmou o ministro sul-coreano na audiência do parlamento.

Já o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou que sabe como está Kim, mas declarou que “não pode falar sobre isso agora”. Dmitri Peskov, porta- -voz do Kremlin, afirmou que a Rússia “não tem informações oficiais” sobre o estado de saúde de Kim.

Há algumas semanas, a mídia norte-americana relatou, citando fontes da Inteligência de Washington, que o ditador estaria entre a vida e a morte após passar por uma cirurgia no dia 12 de abril. Alguns portais chegaram até mesmo a noticiar uma possível morte do líder norte-coreano. Desde então, especula-se sobre a atual situação da Coreia do Norte e quais seriam os possíveis sucessores da tradição.

Loading...
Revisa el siguiente artículo