Doria sanciona criação de patrulha da PM para monitorar vítimas de violência doméstica

Por Metro Jornal

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), sancionou o projeto de lei que cria a "Patrulha Maria da Penha", para o monitoramento de vítimas de violência doméstica no estado.

O texto foi publicada no Diário Oficial nesta terça-feira (31) e entra em vigor no prazo de 90 dias.

A lei estabelece a criação da patrulha, mas não especifica como e quais serão as ações.

Veja também:
Ministro do STF encaminha pedido de afastamento de Bolsonaro à PGR
Ministério Público de São Paulo investiga possível omissão de número de mortes por coronavírus

Doria vetou três artigos do projeto: o que estabelecia visitas periódicas às vítimas para ajudar no acompanhamento de medidas protetivas e o que determinava o funcionamento ininterrupto do serviço.

Também foi vetada a criação de uma equipe de advogados, psicólogos, assistentes sociais e agentes das polícias Civil e Militar.

Loading...
Revisa el siguiente artículo