PM prende gerente de UBS acusado de desviar vacinas contra gripe

Por Metro Jornal

A PM (Polícia Militar) prendeu em flagrante o gerente de uma UBS (Unidade Básica de Saúde) em Embu das Artes, na Grande São Paulo, que desviava doses da vacina contra a gripe. O caso ocorreu na noite de quarta-feira (25).

Uma viatura passava pelo local por volta das 20h30 quando policiais viram o homem transportando oito vacinas em um carro particular. Ele estava acompanhado de um outro homem, funcionário de empresa que presta serviços para a cidade, que também foi preso.

Veja também:
Banco Central corta projeção para PIB 2020 de alta de 2,2% para zero
Propagação do coronavírus em SP, Rio e DF é maior do que se previa

As doses fazem parte de um lote da campanha de vacinação que foi distribuído em Embu das Artes. Elas já estavam em seringas e eram conservadas com uma bolsa de gelo.

De acordo com a polícia, os dois homens detidos afirmaram que levariam as vacinas para aplicação em idosos na capital paulista. Os dois estavam com R$ 3 mil em dinheiro e a suspeita é de que venderiam as doses – elas foram apreendidas e descartadas.

Em nota, a Prefeitura de Embu das Artes afirmou que está apurando possíveis irregularidades na conduta do gerente da UBS e do funcionário terceirizado. Os dois foram levados para a Delegacia Central da cidade e poderão responder por peculato – crime de corrupção por quem ocupa cargo público.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo