Linha 2-Verde do Metrô tem falhas desde o começo do mês

Por Rádio Bandeirantes

A linha 2-Verde do Metrô de São Paulo tem apresentado problemas desde o começo de março.

Muitos usuários estão reclamando que os trens estacionam nos lugares errados da plataforma, param entre as estações e as portas abrem em momentos indevidos, causando mais demora e, consequentemente, mais lotação.

Veja também:
Coronavírus: as dúvidas cotidianas para evitar o contágio da doença
Sobe de 121 para 176 o número de casos de coronavírus no Brasil

A reportagem da Rádio Bandeirantes esteve em várias estações da linha durante a semana passada e flagrou falhas e superlotação, mesmo fora de horários de pico.

No primeiro dia do mês, o Metrô instalou operação automática na 2-Verde, sem o uso do maquinista, como na linha 4-Amarela da ViaQuatro. Um funcionário continua nas cabines do trem para casos de emergência.

Narciso Soares, operador da linha, afirmou que os sensores ainda não estão 100% calibrados e o sistema implantado foi testado poucas vezes antes de entrar em vigor.

O secretário dos Transportes Metropolitanos, Alexandre Baldy, reconhece as falhas do novo sistema e afirma que os problemas serão resolvidos.

Loading...
Revisa el siguiente artículo