Com fechamento de escolas, alimentação dos que dependem da merenda é questão em SP

Por Rádio Bandeirantes

O governo e a prefeitura de São Paulo estudam medidas conjuntas para garantir a alimentação dos alunos que dependem da merenda fornecida pela rede pública durante a paralisação das aulas por causa do coronavírus.

A afirmação é do secretário municipal de Educação Bruno Caetano, em entrevista há pouco à Rádio Bandeirantes.

Nesta segunda-feira, as escolas das redes estadual e municipal de São Paulo ainda abrem para que os responsáveis pelas crianças consigam se programar.

A partir da outra segunda-feira, dia 23 de março, as instituições serão fechadas.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo