Paulistano vai poder avaliar parques por app

Por Metro Jornal

Os moradores de São Paulo vão contar, a partir da próxima segunda-feira, com um aplicativo para celular em  que poderão dar nota a 77 dos 107 parques da cidade e fazer comentários sobre essas áreas verdes. As avaliações populares serão usadas para traçar o cenário de ação da Prefeitura de São Paulo nos parques.

Fruto de parceria entre a SVMA (Secretaria Municipal do Verde e do Meio Ambiente) e da Fundação Aron Birmann, o aplicativo estará disponível sob o nome “IP” (Indicador de Parques Urbanos), nas lojas da Google e da Apple, e será gratuito.

Suas notas e avaliações irão se somar ao resultado de pesquisa anual – a primeira lançada ontem – sobre as condições dos parques, também feita pelo convênio entre a SVMA e a fundação. O levantamento se apoiou em 21 categorias, passando por infraestrutura – banheiros, calçamento, equipamentos –, segurança e programação esportiva e cultural.

Pela pesquisa, o parque Ibirapuera (zona sul) é o melhor da cidade, seguido por Villa-Lobos e do Povo, ambos na zona oeste.

Na outra ponta da lista, os mais mal avaliados são Aterro Sapopemba e Tatuapé, na zona leste, e Juliana Carvalho-Cohab Raposo, zona oeste.

Secretário-ajunto de Verde e Meio Ambiente, Ricardo Viegas disse que o aplicativo ajudará a nortear o planejamento de investimentos da prefeitura nos parques da capital e estabelecerá uma dinâmica de mapeamento de necessidades.

Segundo Viegas, 51 parques, incluindo os cinco piores do estudo, já começaram a receber investimentos para revitalização, num montante de R$ 80 milhões.

Presidente da fundação, Rafael Birmann afirmou que a ideia, com a implantação do aplicativo, é dar voz aos visitantes para que façam sugestões e sejam “ativos para a transformação desses ambientes”.  

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo