Papa Francisco está melhorando de resfriado, diz porta-voz

Por Ansa

O diretor da Sala de Imprensa do Vaticano, Matteo Bruni, informou nesta quinta-feira (5) que o papa Francisco, diagnosticado com um forte resfriado, está "melhor".

Em declaração à ANSA, o porta-voz do Vaticano explicou que o processo de recuperação está "procedendo positivamente", e o Pontífice "continua a celebrar diariamente a Santa Missa e a seguir os exercícios espirituais, de acordo com o que foi comunicado nos últimos dias". Na semana passada, o líder argentino cancelou audiências e sua participação no retiro espiritual de Quaresma da Cúria, que acontecerá nesta sexta-feira (6), por conta de uma "leve indisposição". O estado de saúde de Francisco, no entanto, gerou preocupações, já que a Itália é um dos países com maior número de contaminações pelo novo coronavírus (Sars-CoV-2). No entanto, segundo o jornal romano Il Messagero, o Santo Padre teria testado negativo para a Covid-2019.

O Vaticano, por sua vez, adotou medidas de precaução para evitar que a epidemia chegue ao país. O objetivo é limitar ao máximo possível os contatos com o ex e o atual pontífice. De acordo com Bruni, a Santa Sé também está avaliando novas alternativas em coordenação com as apresentadas pelas autoridades italianas para colocar em prática nos próximos eventos do papa Francisco. "Com relação à atividade do Santo Padre, na Santa Sé e no Estado do Vaticano, nos próximos dias, estão sendo estudadas medidas para evitar a propagação da Covid-19", explicou à ANSA.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo