Ministério da Saúde volta atrás e confirma adolescente como 4º caso de coronavírus no Brasil

Por Estadão Conteúdo

O Ministério da Saúde divulgou nota no final da manhã desta quinta-feira, 5, para informar que houve uma reclassificação do caso da adolescente de São Paulo e agora passa a considerá-lo como a quarta confirmação do novo coronavírus (Covid-19) no País "Em reunião em Brasília, especialistas classificaram o caso da adolescente de São Paulo como confirmado. Quatro elementos levaram à definição do caso como confirmado: pelo resultado do exame, pelo local provável de infecção (Itália), pela possibilidade da medicação após tratamento de uma lesão ter mascarado os sintomas e pela possibilidade de ainda ter sintomas nos próximos dias", diz a nota.

Mais cedo, o Ministério havia divulgado que a contraprova do exame feito na adolescente deu resultado positivo, mas não preenchia a definição de caso para o Covid-19, porque a paciente não apresentava sintomas.

"Segundo critérios técnicos, embora tenha confirmado a presença do vírus, um portador assintomático não cumpre a definição de caso, o que incluiria febre associado a mais um sintoma respiratório. Portanto, esse não será somado aos casos confirmados do novo coronavírus", dizia a nota anterior.

A adolescente de 13 anos retornou da Itália no último domingo (1º) e foi atendida no Hospital Beneficência Portuguesa, na terça-feira, 3, onde foi coletada amostra para exame encaminhado ao Laboratório Fleury. Com o resultado positivo, a contraprova foi realizada pelo Instituto Adolfo Lutz.

Loading...
Revisa el siguiente artículo