Escola do Rio desfila com palhaço Bozo de faixa presidencial

Por Band.com.br

Em um Carnaval que promete ser um dos mais politizados dos últimos anos, a primeira menção ao presidente Jair Bolsonaro foi vista logo no primeiro desfile da Série A (acesso) do Rio de Janeiro, na noite deste sábado, 21.

A escola de samba Acadêmicos de Vigário Geral apresentou no Sambódromo um tripé com uma escultura de um palhaço com terno, gravata, faixa presidencial e imitando uma arma com as mãos – gesto característico do presidente.

O personagem em questão se assemelha ao Bozo, justamente um dos apelidos que adversários usam para se referir a Bolsonaro nas redes sociais.

Várias fotos da escultura se espalharam pela internet, e a foto logo viralizou.

O enredo da escola foi "O Conto do Vigário", sobre mentiras e golpes praticados para se ter vantagem. Ele parte da história de um vigário que trapaceou para conseguir ficar com uma imagem de Nossa Senhora para sua paróquia.

O vereador Reimont (PT-RJ) publicou uma foto em seu perfil no Twitter.

 

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo