Monumento em homenagem ao Marechal da Fonseca é roubado

Por Metro Jornal

Aparentemente ninguém viu nada, nem testemunhas nem mesmo câmeras de monitoramento, mas o fato é que uma estátua com 2 metros de altura e 400 quilos de peso desapareceu do monumento em homenagem ao Marechal Deodoro da Fonseca, situado na região central do Rio de Janeiro.

A peça em bronze representa dona Rosa Paulina da Fonseca, mãe do primeiro presidente do Brasil, que assumiu logo após a Proclamação da República e governou entre os anos de 1889 e 1891. O sumiço da imagem foi percebido ontem.

A Polícia Civil do Rio de Janeiro abriu inquérito para investigar o caso, que está sendo tratado como provável furto. “Foi realizada a perícia no local. Diligências estão sendo feitas para identificar e prender os autores.

O monumento foi inaugurado em 1937 e também guarda os restos mortais do marechal.  

Loading...
Revisa el siguiente artículo