Presos por morte de família no ABC são indiciados por homicídio doloso

Por Metro Jornal

Os cinco suspeitos presos por assassinar uma família no ABC Paulista, no fim de janeiro, foram indiciados pela Polícia Civil nesta terça-feira (11). O grupo irá responder por homicídio doloso.

Os nomes dos indiciados são:

• Ana Flávia Martins Meneses Gonçalves, 24 anos, filha do casal morto;
• Carina Ramos de Abreu, 31 anos, namorada de Ana Flávia;
• Juliano Oliveira Ramos Júnior, 22 anos;
• Guilherme Ramos da Silva;
• Jonathan Fagundes Ramos.

Um sexto detido, Michael Robert dos Santos, 26 anos, foi liberado após a polícia constatar falta de provas materiais que confirmem seu possível envolvimento no crime.

Veja também:
Google fará evento de capacitação gratuito para 10 mil mulheres em São Paulo
Exames descartam coronavírus em brasileiros repatriados da China

Na denúncia, a Polícia Civil aponta que os acusados fariam um roubo e, quando os planos falharam, resolveram matar o casal de empresários Romuyuki e Flaviana Gonçalves e o filho adolescente deles Juan Victor.

O inquérito sobre o episódio ainda não foi concluído – são aguardados laudos e uma reconstituição do caso deve ser feita. A polícia afirma ter convicção de que Ana Flávia e Carina foram as mentoras do crime, mas a motivação ainda não foi esclarecida.

As mulheres negavam participação no assassinato, até Juliano confessou o crime e implicou a participação da dupla. Elas mudaram de versão e disseram ter planejado o assalto, mas negaram os homicídios.

O casal e seu filho foram encontrados mortos em um veículo incendiado em São Bernardo, na Grande São Paulo. As vítimas foram mortas antes, a pauladas, em um condomínio fechado em Santo André, cidade vizinha.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo