Tesouro direto: Venda e resgate de títulos batem recorde em 2019

Por Metro Jornal São Paulo

A venda de títulos públicos a pessoas físicas somou R$ 30,883 bilhões em 2019, informou o Tesouro Nacional. O valor vendido por meio do programa Tesouro Direto é o maior para um ano desde a criação do programa, em 2002. Em relação a 2018, as vendas cresceram 72,1%.

Com um salto de 83,58%,  os resgates também bateram recorde e somaram R$ 30,91 bilhões. Do total das retiradas, R$ 21,32 bilhões foram em recompras e R$ 9,59 bilhões, em vencimentos.

A saída de recursos ocorre em meio à redução da Selic, hoje em 4,5% ao ano, o que reduziu a rentabilidade dos títulos públicos. Muitos investidores com papéis com rendimentos mais altos aproveitaram o momento para vender e embolsar lucros. Além disso, também houve um movimento de migração para aplicações mais rentáveis.  

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo