Chuvas deixam 54 mortos em MG e ES; 25 mil ficam sem casa

Por Metro Jornal

As chuvas que atingem o Sudeste do país, trazidas pelo ciclone Kurumí, deixaram até o momento 54 mortos, sendo 45 em Minas Gerais e 9 no Espírito Santo. Além disso, já chegam a 25 mil os desalojados e desabrigados em dois estados: 17 mil em Minas e 8 mil no Espírito Santo.

No Rio, não há uma totalização oficial, mas o noroeste do estado teve transbordamento de rios e há uma estimativa que milhares de pessoas tenham deixado suas casas. O portal G1 dava conta ontem à noite que uma morte havia sido registrada no município fluminense de Porciúncula.

Veja também:
Em 4 anos, 21 mil detentos não retornaram de ‘saidinha’ em São Paulo
Chacina em bar deixa três mortos e três feridos no Capão Redondo

Do total, 26 mortes foram registradas apenas na Região Metropolitana de Belo Horizonte – 14 só na capital mineira, que, entre a quinta e a sexta-feira da semana passada, teve o maior volume de chuvas em 24 horas da história: 171,8 mm.

O boletim da Defesa Civil divulgado nesta segunda-feira (27) relata ainda 12 feridos e 18 desaparecidos no estado em decorrência das chuvas.

Um dos casos de morte foi uma família que havia sido retirada de sua casa pela Defesa Civil em Belo Horizonte e voltou ao local na sexta-feira. Houve um deslizamento de terra e cinco pessoas foram soterradas. Na manhã de ontem, a prefeitura da capital mineira confirmou que os corpos encontrados no local eram delas.

Um total de 47 cidades em Minas tiveram emergência decretada pelo estado até o momento.

Ruas tomadas por lama em Cachoeiro (ES) Ruas tomadas por lama em Cachoeiro (ES) / Alan Rovetta

No Espírito Santo, o rio Itapemirim subiu mais de seis metros acima do nível normal e alagou várias ruas da cidade de Cachoeiro, destruiu parte de pontes e deixou famílias ilhadas.

No norte do estado, a população também está em alerta. Às 18h de ontem, o rio Doce já tinha subido quase seis metros do nível normal.
A Defesa Civil dos dois estados alerta que ainda há risco de ocorrerem novas chuvas fortes.

No Rio, segundo os bombeiros, as equipes de resgate ainda buscam um jovem de 19 anos, que desapareceu desde sábado (25).

União oferece R$ 90 mi

O ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto, disse ontem em Minas Gerais que o governo federal tem R$ 90 milhões para liberar aos municípios atingidos por chuvas.

Os recursos deverão ser aplicados em ações de socorro, assistência, restabelecimento de serviços essenciais à população e reconstrução de estruturas públicas danificadas.

Canuto esteve ontem em Minas e no Espírito Santo e se reuniu com autoridades estaduais e dos municípios prejudicados.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo