Minas Gerais chega a 37 mortes em decorrência das chuvas

Por Lucas Catta Preta - BandNews FM

Sobe para 37 o número de mortes em decorrência das chuvas que atingem Minas Gerais, apenas nas últimas 72 horas, segundo boletim atualizado neste domingo (26) pela Defesa Civil Estadual.

Inicialmente, foram confirmadas 38 mortes, mas o número foi alterado, tendo em vista duas ocorrências que seguem em andamento, sendo uma em Carangola, na região Leste do estado, e outra na Vila Bernadete, na região do Barreiro, em Belo Horizonte.

Este número pode subir para 40, já que na própria Vila Bernardete, três corpos foram encontrados agora há pouco e ainda não estão incluídos neste último balanço. O próximo boletim atualizado pela Defesa Civil deve ser divulgado às 16h.

Veja também:
Estudo da OCDE mostra futuro das profissões no mundo
Previsão do tempo: Calor em São Paulo ultrapassa os 30ºC neste domingo

A capital mineira, com oito mortes, é a cidade com o maior número de vítimas fatais. Em todo o estado, até agora, são mais de 9,6 mil pessoas desalojadas, além de 1,8 mil desabrigados. Ainda segundo a Defesa Civil estadual, 17 pessoas estão desaparecidas.

Ao todo, 58 municípios mineiros foram afetados pelas chuvas dos últimos dias. O governo de Minas Gerais já declarou situação de emergência em 47 municípios, entre eles Belo Horizonte, Contagem e Betim.

De outubro do ano passado, quando começou o período chuvoso, até hoje, são 49 mortes registradas em Minas Gerais em decorrência das chuvas.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo