Corpo de menino morto após ataque de cães é velado na zona sul

Por Metro Jornal

O velório de Luiz Fernando Teixeira de Santana, 10 anos, teve início no início desta tarde no Cemitério Campo Grande, na avenida Nossa Senhora do Sabará, zona sul. O menino morreu na tarde de Natal (25) após ser atacado por cães em um terreno na Cidade Ademar, também na zona sul.

Ele empinava pipa com amigos em uma praça na avenida Cupecê quando o objeto caiu no terreno de uma empresa de ônibus inativa. O garoto pulou o muro para recuperar a pipa e acabou sendo atacado por seis cães.

Vizinhos tentaram atirar objetos para afastar os cães da vítima, sem sucesso, e um homem que tentou resgatá-lo ficou ferido com uma mordida na perna.

Veja também:
Homem morre afogado ao salvar filho de correnteza em São Sebastião
Passageira morre após carro perder controle e bater em muro no Tremembé

A polícia chegou no local e preciso atirar para assustar os cães. Durante o atendimento, os animais tentaram atacar novamente. Dois deles foram sacrificados e um terceiro ficou ferido – os demais ficaram acuados dentro do imóvel.

Luiz Fernando chegou a ser atendido por uma equipe médica que chegou de helicóptero, mas morreu ainda no terreno. O caso foi registrado como morte suspeita.

A polícia agora busca os donos do terreno e apura se os cães estavam com fome ou eram vítimas de maus tratos – o último renderia multa aos proprietários. Os animais foram levados pela Vigilância de Zoonoses do município.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo