'Novo Nafta' é assinado por EUA, México e Canadá

Por Ansa

Representantes do México, dos Estados Unidos e do Canadá assinaram um novo acordo comercial que substituirá o Tratado de Livre-Comércio da América do Norte (Nafta).

LEIA MAIS:
Chile encontra partes de corpos de passageiros de avião desaparecido
FGTS: Bolsonaro sanciona aumento do limite de saques imediatos para R$ 998

O texto, conhecido como USMCA, foi firmado no último dia 10, no Palácio Nacional, no México, e deverá agora ser votado pelo Congresso de cada país.

Na cerimônia de assinatura, o presidente mexicano, Manuel López Obrador, afirmou que o acordo "significa maior investimento para Canadá, EUA e México". "Se há investimento, há crescimento, bem-estar e paz", ressaltou. O tratado fala sobre leis trabalhistas, regras para o setor automotivo, propriedade intelectual e disputas entre Estados. Entre outras coisas, prevê que 75% dos componentes de um automóvel sejam fabricados nos três países para evitar tarifas, e que 40% das peças devem ser feitas por trabalhadores que ganhem ao menos US$ 16 por hora.

Cumprindo sua promessa de campanha de 2016, logo que assumiu a Casa Branca, Donald Trump deu início à renegociação do Nafta, o que chamava de "pior acordo de todos tempos".

"O novo acordo removerá as incertezas e ajudará a economia", disse o presidente do Federal Reserve, Jerome Powell.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo