AO VIVO: TRF-4 julga recurso de Lula no caso do sítio de Atibaia

Por Metro Porto Alegre

Condenado pelo TRF-4 (Tribunal Regional Federal da 4ª Região) no caso do tríplex do Guarujá (SP), em janeiro de 2018, a 12 anos e um mês de prisão, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) volta a ser julgado nesta quarta-feira (27) pela Corte, desta vez em uma apelação do petista no caso do sítio de Atibaia (SP). A sessão se iniciou às 9h, e os integrantes da 8ª Turma, em Porto Alegre, decidirão se o caso volta à primeira instância ou se o mérito será julgado.

Lula foi condenado, no caso do sítio – que teria sido reformado com dinheiro de propina da Petrobras a empreiteiras –, pela juíza federal Gabriela Hardt – substituta do juiz Sergio Moro – em 6 de fevereiro deste ano a 12 anos e 11 meses de prisão e 212 dias-multa no valor de dois salários mínimos cada.

Veja também:
STF retoma nesta quarta julgamento sobre compartilhamento de dados sigilosos
Polícia prende quadrilha que aplicava golpes em idosos em agências bancárias

No entanto, a condenação se tornou controversa com o desenrolar dos acontecimentos. O STF (Supremo Tribunal Federal) passou a considerar que delatados devem ser ouvidos após os delatores, o que não ocorreu na ação contra o ex-presidente. Além disso, no processo, a juíza teria copiado trechos do texto de acusação do Ministério Público Federal para embasar sua argumentação.

Assim como no julgamento de janeiro do ano passado, muitos apoiadores do petista estão presentes. Na terça-feira (26), vários ônibus já se encontravam na área do anfiteatro Pôr do Sol, nos arredores do TRF-4.

Assista o julgamento ao vivo:

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo