Interditada desde março, avenida Francisco Morato ainda terá mais três meses de obras

Por Ana Paula Rodrigues – Rádio Bandeirantes

Pedestres e motoristas vão precisar esperar pelo menos mais três meses para circular com tranquilidade pela avenida Francisco Morato, zona oeste de São Paulo. Um deslizamento ocorrido em março ainda coloca em risco quem passa pela via, perto da avenida Guilherme Dumont Villares.

O cenário descrito pela rádio Bandeirantes em maio pouco mudou nos últimos meses. O relato quase três meses após o deslizamento mostrava a pista afunilada e a calçada ocupada por terra, além de galhos e fios caídos. De lá pra cá, a passagem para carros foi liberada, mas os pedestres continuam sem espaço no lado da avenida em direção ao centro.

O barranco desmoronou durante um temporal e, segundo a prefeitura de São Paulo, o reparo demorou pela necessidade de licitação. A previsão é que a obra dure três meses e, nesse período, uma faixa ficará interditada.

Veja também:
Oito anos depois, motorista de Porsche que matou advogada será julgado por homicídio
Queda de carga de caminhão trava avenida na zona oeste

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo