Polícia apreende 50 carros de bando que fraudava empréstimo

Por Metro Jornal

Cinco pessoas acusadas de integrar quadrilha que fraudava empréstimos de alto valor e lavava o dinheiro comprando veículos de luxo, motos aquáticas e até aviões foram presas nesta terça-feira na operação Piapara, conduzida pelo Deic (Departamento Estadual de Investigações Criminais).

Os policiais apreenderam cerca de 50 carros de luxo, esportivos e médios – entre eles uma Lamborghini amarela, avaliada em R$ 700 mil, que chamou a atenção parada em frente ao Deic–, além de 4 motos aquáticas, em um galpão em São Bernardo. Também foram localizadas duas aeronaves e um carro de kart que o bando teria adquirido.

Foram ao menos quatro meses de investigações. Segundo as apurações, a quadrilha abria empresas fantasmas usando documentos de “laranjas” e então pedia, em nome dessas empresas, empréstimos milionários a instituições financeiras.

Além de darem calote e  não pagarem os financiamentos, os bandidos, segundo a polícia, lavavam o dinheiro comprando bens, principalmente carros de luxo. No esquema, 70 veículos já foram identificados e bloqueados administrativamente e duas aeronaves foram descobertas como produto destes crimes.

Os carros de luxo, usados para lavar o dinheiro, eram anunciados para venda em uma rede social como “carros premium”.

A Polícia Civil ainda está buscando duas pessoas que fariam parte do esquema e estão foragidas.

O nome da operação foi inspirado em um peixe do rio Paraná, conhecido por dar muito trabalho aos pescadores, o que se assemelha à organização criminosa com os policiais.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo