Greve dos motoristas: Circulação de ônibus no fim da tarde será igual à da manhã, diz presidente do sindicato

Valdevan Noventa, presidente licenciado do Sindmotoristas, diz que operação de 'volta para casa' será semelhante ao funcionamento da manhã

Por Metro Jornal

Os motoristas e cobradores de ônibus obedeceram à determinação da Justiça do Trabalho e mantiveram 70% da frota circulando no horário de pico, entre 6h e 9h da manhã desta sexta-feira.

A volta para casa, que concentra maior número de usuários entre 16h e 19h, também seguirá a determinação, diz o presidente licenciado do SindMotoristas (Sindicato dos Motoristas e Trabalhadores em Transporte Rodoviário Urbano de São Paulo), Valdevan Noventa.

O sindicalista, também deputado federal, afirmou em entrevista ao programa "Aqui na Band" que a paralisação deve seguir até que os termos sejam negociados com a Prefeitura.

Os motoristas fazem greve em protesto à redução da frota em São Paulo. Segundo levantamento do sindicato,  450 ônibus foram retirados de circulação em 2019, e outros 1 mil devem parar de rodar até o fim do ano, o que estaria afetando o trabalho de mais de 6.500 trabalhadores.

Além disso, motoristas também pedem o pagamento de Participação nos Lucros e Resultados (PLR).

 

 

 

 

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo