Facebook vai direcionar buscas sobre vacinas para OMS

Por Metro Jornal

A OMS (Organização Mundial da Saúde) comunicou ontem ter chegado a um acordo com o Facebook para direcionar buscas realizadas pelos usuários na rede social sobre vacinas para informações seguras dos sites da organização. A medida vale também para o Instagram.

“A desinformação da vacina é uma grande ameaça à saúde global que pode reverter décadas de progresso feito no combate a doenças evitáveis”, disse o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus, em comunicado oficial.

A disseminação de notícias falsas sobre as vacinas, como a possibilidade de adquirir doenças na imunização ou aumentar as chances de autismo, é apontada  pela OMS como um dos motivos para o retorno de doenças como o sarampo no mundo. Apesar de ser evitável com a vacinação, os casos triplicaram neste ano. De acordo com a OMS, é o maior número de infectados desde 2006, com total de 364.808 em 182 países desde o início do ano.

Em março, o Facebook já havia se comprometido a remover grupos e páginas que compartilham informações falsas sobre medicamentos e vacinas.  

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo