Zeca Dirceu é o deputado que mais gastou cota parlamentar com refeições

Por Felipe Garraffa – Rádio Bandeirantes

Levantamento exclusivo da rádio Bandeirantes revelou nesta quinta-feira (5) que Zeca Dirceu (PT) recebeu por dia, apenas em junho, R$ 153,50 para se alimentar. Neste ano, ele foi o deputado federal que mais usou dinheiro da cota parlamentar com refeições.

Com base em dados do Portal da Transparência da Câmara, a rádio teve acesso às notas fiscais desse tipo de despesa.

Veja também:
Após ataques de Bolsonaro, ministros do Brasil e do Chile fazem reunião
Ministério da Saúde vai distribuir vitamina A para bebês com suspeita de sarampo

No dia 12 de junho, por exemplo, o petista pediu de volta R$ 239,75 depois de almoçar num restaurante coreano, em Brasília. Quinze dias depois, foi reembolsado em R$ 220 pelos gastos em outro restaurante da cidade.

Na ocasião, o deputado federal comeu bacalhau grande na brasa com brócolis alho e óleo, batata assada no sal grosso e alecrim. A nota fiscal indica que ainda foram servidos vinho chileno rose de uma safra de 2013, limoncello e cointreu. Bastante satisfeito, o parlamentar deu gorjeta no valor de R$ 61, também indicada na nota fiscal.

No ano, Dirceu gastou a quantia total de R$ 11.563,64 com refeições. O dinheiro com alimentação sai da cota parlamentar, que inclui outros gastos, como combustível, passagem de avião e serviços postais.

OUTRO LADO


Em nota, a assessoria de comunicação do deputado afirma que a maior parte de seus gastos foram com alimentação de "baixo custo", e mais de 97% de sua Cota Anual ainda não foi utilizada.

Confira a nota divulgada a seguir:

Sobre reembolso dos gastos com alimentação, do deputado federal Zeca Dirceu, esclarecemos que:

1) Entre todas despesas do parlamentar, 76% correspondem desembolsos com alimentação de baixo custo. Até este momento de 2019, o deputado utilizou 2,3% da Cota Anual.

2) A Câmara dos Deputados tem rigoroso sistema de conferência e aprovação dos reembolsos;

3) Todos os reembolsos respeitam os limites legais estabelecidos no Ato da Mesa nº43/2009;

4) Os gastos condizem com a dedicação exclusiva a atividade parlamentar, inclusive em finais de semana e feriados, amplamente divulgada no dia a dia nos seus perfis em suas redes sociais e site oficial;

5) A divulgação dos reembolsos, sem a contextualização da dimensão das viagens de trabalho pelo Paraná, em fins de semana, feriados e viagens oficiais, pode descaracterizar qualquer comparação ou avaliação justas.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo