Onde está Diana? Estátua de dois metros desaparece do Anhangabaú

Por Marcelo Ruiz

A Polícia Civil investiga como uma estátua de bronze e cimento de 2,35 metros que estava havia 75 anos na praça Pedro Lessa, no Anhangabaú (centro), sumiu.

A estátua Diana, a Caçadora, teria sido furtada no dia 19 de junho –não se sabe ao certo a data. Sua falta foi constatada em vistoria feita naquele dia por agentes do Consórcio Central, responsável pelas obras de revitalização do Anhangabaú iniciadas em 10 de junho.

Veja também:
Suspensão do uso de radares móveis é publicada no Diário Oficial
Hospital Pérola Byington vai ganhar prédio próprio na Luz

No boletim de ocorrência, foi registrado que a base da estátua foi danificada no furto. O caso foi registrado como furto qualificado no 3º DP (Campos Elíseos) no dia 23 de julho.

Segundo o DPH (Departamento do Patrimônio Histórico) da prefeitura, a estátua Diana, a Caçadora, é uma réplica de obra feita por Jean-Antoine Houdon, exposta no Museu do Louvre, em Paris. Ela foi executada pelo Liceu de Artes e Ofícios.

A prefeitura diz que um dos braços e o arco da obra tinham sido retirados e estão guardados no DPH “por precaução”. Se a estátua não for encontrada, só vão restar essas partes.

roubo estátuta anhangabaú Reprodução/TV Globo

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo