Milionário Jeffrey Epstein é encontrado morto na prisão

Suspeita é de que o acusado de tráfico sexual cometeu suicídio

Por Lais Pagoto

O empresário norte-americano Jeffrey Epstein, acusado de tráfico sexual de menores, foi encontrado morto em sua cela no presídio de Manhattan, informou a imprensa norte-americana neste sábado (10).

De acordo com a NBC, a suspeita é de que o milionário tenha cometido suicídio. No entanto, as circunstâncias da morte ainda não foram esclarecidas.

A descoberta do corpo ocorreu por volta das 7h30 (horário local). Epstein já estava sob vigilância após ter sido encontrado no chão da cela em um estado de semiconsciência com ferimentos no pescoço há três semanas.

Na ocasião, ele foi atendido em um centro médico e depois voltou para o Metropolitan Correctional Center, onde aguardava julgamento.

Com 66 anos, Epstein estava detido desde o dia 8 de julho. Ele é acusado de ter cometido abusos contra meninas de 14 anos e de organizar uma rede de exploração sexual de menores.


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo