Gilmar Mendes impede investigação contra Glenn Greenwald

Por BandNews FM

O ministro Gilmar Mendes, do STF (Supremo Tribunal Federal), determinou na quarta-feira (7) que autoridades públicas não responsabilizem o jornalista Glenn Greenwald pela recepção, obtenção ou transmissão de informações publicadas pelo portal The Intercept e outros veículos da imprensa.

O magistrado usou como argumentação a proteção do sigilo constitucional da fonte jornalística.

Veja também:
Eike Batista é preso novamente pela PF no Rio
Desembargadora vira ré por calúnia contra Marielle após decisão do STJ

Nos últimos meses, o site vem divulgando diálogos atribuídos ao ex-juiz federal e atual ministro da Justiça, Sergio Moro, e procuradores da operação Lava Jato, incluindo o coordenador da força-tarefa em Curitiba, Deltan Dallagnol.

Hackers estão presos por suspeita de invadir celulares de autoridades e, assim, coletar o material de forma ilegal.


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo