Eike Batista é preso novamente pela PF no Rio

Por Metro Jornal, com Akemi Nitahara – Repórter da Agência Brasil

Agentes da PF (Polícia Federal) cumprem nesta quinta-feira (8) o mandado de prisão do empresário Eike Batista. A ação é parte da Operação Segredo de Midas, deflagrada na manhã de hoje, como desdobramento da Lava Jato no Rio de Janeiro. O pedido de prisão foi expedido pelo juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal.

Condenado a 30 anos por corrupção ativa e lavagem de dinheiro, o empresário foi preso em janeiro de 2017. Três meses depois, o STF (Supremo Tribunal Federal) determinou que Eike cumprisse a pena em casa.

Veja também:
Desembargadora vira ré por calúnia contra Marielle após decisão do STJ
Bolsonaro descarta possibilidade de taxar igreja

Na operação de hoje, a Polícia Federal também cumpre mandado de prisão de Luiz Arthur Andrade Correia, contador de Eike Batista, que está fora do país, além de quatro mandados de busca e apreensão. Segundo a PF, o objetivo é buscar provas sobre manipulação de capitais e lavagem de dinheiro.

Os filhos de Eike, Thor e Olin Batista, também são alvos de mandados de busca e apreensão na operação da PF.


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo