Financiamento de imóveis deve crescer 13% em 2019

Por Metro Jornal

A Abecip (Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança) elevou de 7% para 13% a estimativa de alta dos desembolsos de recursos para financiar a compra de imóveis em 2019, para R$ 132 bilhões.

Se a nova projeção for confirmada, o país terá o maior volume de desembolsos desde os RS$ 155 bilhões de 2014 e marcará o terceiro melhor ano da história.

Considerados apenas os recursos da poupança, a estimativa é de que o crescimento será ainda maior, de 31% no ano. Já nos empréstimos com recursos do FGTS a previsão é de queda de 4%.

Segundo Gilberto Duarte Filho, presidente da Abecip, o segundo semestre deve mostrar reação ainda maior.

“As condições para empréstimo hoje estão muito melhores. Tomar dinheiro está mais barato do que em 2014, pico de alta histórica do setor, tanto em termos de juros como em oferta”, disse em coletiva de imprensa.   

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo