Benefício para estudantes no transporte público é alterado com recesso escolar

Por Metro Jornal

Com o mês de julho chegam as férias escolares e o tão esperado descanso dos estudantes. No entanto, muitos deles não ficam parados em casa, seja por causa de trabalho, lazer ou saúde.

Para suprir a necessidade dos jovens, o transporte público continua disponibilizando benefícios de crédito de meia tarifa e de gratuidade, mas com algumas alterações. Devido ao recesso escolar, a distribuição mensal de cotas escolares muda de acordo com a estrutura de cada curso, chegando a cair pela metade.

Leia também:
Bolsonaro: ‘Passar fome no Brasil é uma grande mentira’
Projeto de lei acaba com necessidade de licenciamento ambiental para estradas

Veja a seguir como fica a distribuição de meia tarifa (por número de viagens):

Cotas benefício estudante recesso - meia tarifa SPTrans Reprodução/SPTrans

Já a distribuição de cotas de gratuidade fica assim:

Cotas benefício estudante recesso - gratuidade SPTrans Reprodução/SPTrans

Alunos de cursos semestrais devem revalidar seu cadastro, solicitando à entidade de ensino o envio de seus dados à SPTrans, para continuar usufruindo do benefício no segundo semestre. O procedimento não exige nenhum pagamento, como acontece com a renovação no início de cada ano.

Já os estudantes que terminarem o curso no primeiro semestre do ano letivo não terão direito à cota de julho.


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo